SECRETARIA MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL

Segurança alimentar é prioridade do Governo, diz especialista

15/12/2017, 10:7h

Especialista em segurança alimentar e nutricional e membro do Conselho Estadual que trata sobre a questão, Jainei Cardoso da Silva afirma que a política pública voltada para a efetivação destas ações em Feira de Santana ganha impulso pela determinação do Governo Municipal de elaborar e pôr em prática o plano de segurança alimentar e nutricional. A avaliação, realizada nesta quinta-feira, 14, durante a última reunião deste ano do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea), realizada na Faculdade Uniasselvi, resulta das observações das ações promovidas durante 2017 visando a implantação de medias que resultem na garantia de direitos à alimentação de qualidade.

Para Jainei Cardoso, todas as obras realizadas em uma cidade são necessárias, mas é preciso também se priorizar a questão da segurança alimentar, como o Governo Municipal de Feira de Santana tem feito, para fazer frente ao problema crucial da desigualdade social e da consequente falta de alimentos na mesa de famílias carentes. “Quando se trata de segurança alimentar, se trata de tudo que se refere ao bem estar”.

A elaboração do projeto municipal de segurança alimentar e nutricional, conforme o secretário de Desenvolvimento Social (Sedeso), Ildes Ferreira, é um plano para Feira de Santana e não de governo. “É um plano de interesse de todos”, ressaltou o secretário.

Já o secretário de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Semman), Sérgio Carneiro, observa que a implantação do Conselho de Segurança Alimentar em Feira de Santana é uma imposição das desigualdades sociais. “Estas desigualdades nos levam a organizar conselhos como este para minimizar as desigualdades sociais”, frisou.

Enquanto isso, o secretário de Agricultura, Recursos Hídricos e Desenvolvimento Rural (Seagri), Joedilson Machado, observou que esta secretaria é parceira forte do conselho, por tratar diretamente de questões relacionadas à produção de alimentos na zona rural de Feira de Santana.

Na avaliação da presidente do Consea, Celi Rios, o empenho dos conselheiros do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional tem sido fundamental para as ações avançarem visando a implantação efetiva de um plano eficaz.

E o representante da Secretaria Municipal de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico (Settdec), Georgton Rios, avaliou que o Consea tem avançado bastante na elaboração do plano de segurança alimentar e nutricional. “É o papel de uma gestão da cidade, de oferecer o melhor para os cidadãos feirenses, não só para minimizar a fome como também discutir o que é melhor na alimentação”.

  •  

2017 foi marcado por conquistas importantes na luta contra a violência, avalia Conselho da Mulher

15/12/2017, 9:49h

Uma reflexão sobre o fim da violência contra as mulheres marcou, nesta quinta-feira, 14, o encerramento das atividades do exercício de 2017 do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher de Feira de Santana. Durante o evento, realizado na Casa dos Conselhos, à rua Domingos Barbosa de Araújo, 611, bairro Kalilândia, a psicopedagoga Anamy Jorge Lemos proferiu palestra sobre os “16 dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres”, movimento que envolveu 160 países coparticipantes.

Conforme Anamy, os 16 dias de ativismo resultaram numa mobilização mundial pelo fim da violência contra as mulheres. “E a abordagem deste tema durante a última reunião deste ano do Conselho nos remete a uma reflexão do que foi feito pela rede de proteção das mulheres durante o ano de 2017”, frisou.

Para a palestrante, este ano foi marcado por algumas importantes conquistas. “Dentre estas conquistas, a proposta da ressocialização do homem agressor, a proposta de intercâmbio para levar o modelo da rede de proteção das mulheres para outros municípios e também o fortalecimento da rede”, afirmou, lembrando que os diálogos tiveram resultados positivos e o apoio da mídia na divulgação de campanhas.

MOBILIZAÇÃO VISA TRANSFERÊNCIA DE ASSASSINO DE ADOLESCENTE PARA PRESÍDIO DE FEIRA

A presidente do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher de Feira de Santana, Maria Josailma Ferreira Lima Santos, observa que apesar das importantes conquistas e da articulação de toda a rede, ainda há muito o que se fazer. E dentre as metas de articulações também está a mobilização da rede visando trazer à Bahia o suspeito de ter assassinado com requintes de crueldade a própria companheira e adolescente Yara Guimarães, então com 17 anos. O suspeito está no presídio em São Paulo e precisa ser transferido para Feira de Santana para ir a julgamento, em tempo hábil, até maio deste de 2018, ou ganhará liberdade.

  •  

Confraternização marca entrega de certificados no CRAS Pampalona

14/12/2017, 10:37h

Uma confraternização de fim de ano marcou, nesta quarta-feira, 13, a  entrega de certificados de cursos de ofício promovidos pelo Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) Pampalona, equipamento da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso), para mulheres integrantes dos grupos de convivência. Durante o semestre foram desenvolvidos principalmente cursos de artesanato de diversas modalidades, inclusive de reciclados.

A coordenadora do CRAS Pampalona, Edmeia Oliveira, observou que mesmo com os cursos de ofício entrando em recesso, o CRAS não para as atividades, mantendo o atendimento ao público da região de abrangência. E nos próximos dias realizará também confraternização de participantes de outros grupos de atividades desenvolvidas neste equipamento municipal.

A festa de fim de ano foi marcada por um show de voz e teclado com a participação de João Bosco, além da animação do palhaço Tom, que levou muita brincadeira para a garotada, que também recebeu lanches.

Enquanto isso, as alunas dos cursos de ofício ainda receberam o brinde de uma caneca padronizada com a logomarca do CRAS e receberam lanches. E no início do próximo ano vão receber fardamento para participar das atividades.

Diante da plateia que lotou o salão externo do CRAS, o secretário de Desenvolvimento Social, Ildes Ferreira, parabenizou a todas que participam das atividades, destacando que estes equipamentos são a porta de entrada para os serviços de assistência social promovidos através da Sedeso visando a elevação da qualidade de vida da população.

  •  

Feira oferece adesão à regionalização da Casa Abrigo até sexta

14/12/2017, 10:32h

Municípios interessados em aderir à regionalização da Casa Abrigo para mulheres vítimas de violência em risco de morte, que possuem uma unidade pólo também em Feira de Santana, têm até a próxima sexta-feira, 15, para assinar o termo de aceite para pactuação. O encerramento do prazo foi alertado durante reunião da Comissão Intergestora Bipartite (CIB), realizada em Salvador.

A reunião da CIB foi a última do exercício 2017 para aprovação da Regionalização da Casa Abrigo. E a comissão também aprovou o calendário de reuniões para 2018 e a sugestão de repasse para 2018.

Integrante da comissão, o secretário de Desenvolvimento Social de Feira de Santana, Ildes Ferreira, informa também sobre outras decisões tomadas pelos integrantes da entidade durante o encontro. “A CIB avaliou e suspendeu as reuniões descentralizadas que realizava nos municípios. Os gestores preferiram manter em Salvador as reuniões porque aproveitam as viagens para resolver demandas junto ao Governo do Estado”, explica.

A CIB é responsável por aprovar todas as medidas do Governo no âmbito do SUAS, com representantes do Estado e dos Municípios. Ao nível nacional tem a (Comissão Intergestora Tripartite (CIT) porque entra a União, Estados e Municípios.

  •  

Representantes de 85 cidades participam de capacitação de assistência social em Feira

14/12/2017, 10:28h

O município de Feira de Santana está recebendo representantes de 85 cidades baianas em busca de capacitação para impulsionar as ações da assistência social. Os cerca de 230 profissionais, que atuam principalmente nos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS) e Centros de Referência Especializada em Assistência Social (CREAS), dentre assistentes sociais e psicólogos, além de outros técnicos, participam do Capacita SUAS 2, que ocorre na faculdade Uniasselvi, no período de 10 a 15 deste mês.

Para viabilizar a oferta do curso de capacitação em Feira de Santana, o Governo Municipal cumpre o papel de anfitrião, oferecendo toda estrutura necessária para desenvolvimento das atividades pelo Governo do Estado, através da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), contratada para realização dos cursos.

Nesta quarta-feira, 13, o prefeito José Ronaldo de Carvalho visitou os participantes do curso, ao lado do vice-prefeito Colbert Martins da Silva Filho e do secretário de Desenvolvimento Social (Sedeso), Ildes Ferreira. Conferiu de perto as necessidades para garantir o mínimo de estrutura necessária para  manutenção das atividades e desejou aos participantes, antecipadamente, um excelente Natal e fim de ano.

Já o secretário Ildes Ferreira ressaltou que o município feirense está sempre de portas abertas para receber os visitantes, principalmente em se tratando de um evento que é voltado para a promoção social, buscando incessavelmente a melhoria na prestação dos serviços voltados para quem mais necessita.

Coordenadora geral da UFRB no Capacita SUAS, Sílvia Pereira, agradeceu a Governo Municipal pela acolhida e por todo apoio que tem dado para promoção do evento. Lembrou que esta é a terceira edição do curso, sendo que os dois primeiros com o mesmo tema. Agora no Capacita SUAS 2 o tema central é “Introdução ao provimento dos Serviços e Benefícios Socio-assistenciais e implementação de ações do plano Brasil sem Miséria”.

  •  

José Ronaldo da posse ao novo quadro do Conselho da Pessoa Idosa

13/12/2017, 14:59h

Em solenidade ocorrida no Paço Municipal Maria Quitéria, na manhã desta quarta-feira, 13, o prefeito José Ronaldo de Carvalho deu posse aos representantes da sociedade civil e do Governo que vão compor o Conselho Municipal de Direitos da Pessoa Idosa (CMDI), para o biênio 2017/2019, conforme o Decreto 10.435, promulgado em outubro do ano em curso.

Em eleição ocorrida em reunião ordinária realizada no dia 5 de dezembro, Cacilda Miranda da Silva foi reconduzida para presidir o Conselho da Pessoa Idosa por mais um biênio, tendo como vice-presidente Irene Ramos de Azevedo Brito.

A primeira e segunda secretarias, respectivamente, ficarão sob a direção da professora Ana Angélica Vergne de Morais e da advogada Marisete Cerqueira Vitório, representando a subseção local da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Danielly Gomes da Silva Santos, representando a UNIASSELVI, foi eleita para conduzir a Diretoria Social.

Reconhecimento

Em reconhecimento ao trabalho que vem sendo realizado em Feira de Santana na promoção de políticas públicas voltadas à valorização e o amparo dos idosos, o Conselho da Pessoa Idosa acaba de ser contemplado pelo Ministério dos Direitos Humanos com uma verba de R$ 420 mil.

Este recurso visa à execução de um projeto destinado a combater a violência contra os idosos e a preservação dos seus direitos, e terá o prazo de dois anos para ser desenvolvido, de acordo com Ildes Ferreira (foto - esquerda), secretário municipal de Desenvolvimento Social.

Centro do Idoso

 

Foto: prefeito José Ronaldo no início de obras do novo Centro do Idoso

Oportunamente, o prefeito José Ronaldo afirmou que, até meados do próximo ano, estarão concluídas as obras do Centro de Atenção à Pessoa da Terceira Idade, que está sendo erguido no bairro Muchila, ao lado do Centro de Cultura Maestro Miro.

O equipamento terá 800 metros quadrados de área construída e está orçado em R$ 1 milhão. O projeto, elaborado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano, contempla dois consultórios, uma academia, salão de dança, salas de massagem e de jogos, um auditório conversível para cinema, refeitório, sala de artesanato, piscina e estacionamento.

O espaço abrigará o Centro de Convivência Dona Zazinha Cerqueira, uma instituição mantida pela Prefeitura Municipal, e que vem funcionando numa casa alugada.

  •  

Cicaf certifica quase 600 alunos em cursos profissionalizantes

13/12/2017, 9:59h

O Centro Integrado de Capacitação e Apoio ao Adolescente e Família Gilza Melo (Cicaf), órgão da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso), certificou mais 582 alunos de cursos profissionalizantes da turma 2017.2, visando facilitar a inserção no mercado de trabalho. A solenidade foi realizada na tarde desta terça-feira, 12, na Igreja Assembléia de Deus, à rua Gonçalo Alves, 603, bairro Cruzeiro.

Durante a solenidade, o prefeito José Ronaldo de Carvalho ressaltou a importância dos jovens serem capacitados profissionalmente visando a disputa do primeiro emprego. E observou que a contínua busca por conhecimento é o melhor caminho para o desenvolvimento.

Jovens devem continuar buscando novos conhecimentos, afirma secretário

Já o secretário da Sedeso, Ildes Ferreira (foto), parabenizou os participantes dos cursos profissionalizantes e enfatizou a necessidade de continuarem sempre buscando novos conhecimentos. “Com o mercado cada vez mais competitivo, é necessário que estes jovens estejam sempre melhorando seus currículos o que fará toda a diferença numa seleção para emprego, tanto na iniciativa pública quanto privada”, destacou.

Cursos foram realizados, também, em diversas comunidades

Foto: professores que ministraram os cursos

A coordenadora do Cicaf, Simone Lopes, informou que os cursos profissionalizantes foram realizados não somente no Cicaf, mas também em diversas comunidades, como nas três unidades do CEU, instaladas nos bairros Tomba, Aviário e Cidade Nova. E desenvolvidas em parcerias com os CRAS, CREAS, CENTRO POP e Conselhos Tutelares, dentre outros.

Neste semestre foram promovidos cursos de Básico Integrado, Atendente de Farmácia, Auxiliar Administrativo, Corte e Escova, Manicure e Pedicure, Corte Masculino, Penteados, Garçom e Garçonete, Aprendiz Empresarial, Recepcionista e também de Manutenção de Microcomputadores.

  •  

Sedeso participa da II Feira da Cidadania do Aviário

10/12/2017, 10:21h

A II Feira da Cidadania, promovida pela Associação de Mutuários do Condomínio Vida Nova Aviário, com apoio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso), contemplou centenas de moradores de quatro empreendimentos do programa Minha Casa, Minha Vida, neste sábado, 9, com a oferta de inúmeros serviços de inclusão social. As atividades, voltadas para famílias de baixo poder aquisitivo, foram desenvolvidas no Residencial Vida Nova Aviário.

Durante a ação, coordenada pelo Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do bairro Aviário, foram oferecidos serviços de saúde, odontológico, assessoria jurídica, agendamento assistencial, serviços de beleza, oficina de artesanato e apresentações culturais.

A Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev) também participou da ação levando a assessoria jurídica, coordenada pela advogada Roberta Dias, para promoção de ação “limpa nome – SPC/Serasa”, direito previdenciário, pensão alimentícia e reconhecimento de paternidade.

A coordenadora do CRAS Aviário, Cibeli Alves, e a psicóloga Suzane Caribé, ressaltaram os resultados positivos da promoção do evento, que visa aproximar mais a comunidade dos serviços prestados pela Prefeitura de Feira de Santana e voltados para pessoas de baixo poder aquisitivo, visando a inclusão social.

  •  

Moradoras do Aviário vivem "Dia de Princesa"

10/12/2017, 10:11h

Quem vê um moderno e completo salão de beleza, com spar para os pés e as mãos, massagem corporal, corte e escova de cabeço, design de sobrancelhas e manicure, ouvindo canto de pássaros em meio a natureza, logo imagina o alto custo para ter acesso a todos estes serviços, algo inacessível para quem tem baixa renda. Só que não! Tudo isto foi oferecido gratuitamente pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso), neste sábado, 9, para mulheres com baixa renda, residentes no bairro Aviário.

O “Dia de Princesa”, patrocinado pelo Governo Municipal com apoio de parceiros, atraiu mulheres de diversas idades e elevou a autoestima de quem há muito desejava uma repaginada no visual.

A sensação vivenciada por Elieide Lobo, que pela primeira vez experimentou spar para os pés, foi, como ela própria sintetizou, “única em minha vida”. Afirmando estar adorando e até sentido vontade de relaxar e dormir ouvindo os pássaros que cantavam nas árvores próximas, no condomínio Vida Nova Aviário, do programa Minha Casa, Minha Vida, ela disse que se fosse para pagar, ela jamais estaria realizando “este sonho”.

Até mesmo os homens aproveitaram para melhorar o visual. Edson Santos de Jesus, pedreiro, tratou logo de melhorar o aspecto das unhas, utilizando os serviços de manicure para fazer e pintar as unhas com esmalte incolor. “Além de cuidar da higiene, hoje estou com as mãos apresentáveis. Hoje será só sucesso fazendo carinho na patroa”, afirmou, se referindo a própria esposa, que ele diz reclamar muito dos resultados de suas unhas em função do trabalho diário, mexendo com construção civil.

A ação fez parte da II Feira de Cidadania, promovida pela Sedeso, através do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do Aviário, ofertando serviços de inclusão social que resultaram na elevação da autoestima da população carente.

PERSONAGEM

Maris José Evangelista, dona de casa e moradora do residencial

“Aqui hoje está tudo filé!!! Dá até para eu me sentir patroa”, afirmou, enquanto recebia massagens nos pés. 

  •  

Com mais de 180 mil pessoas com algum tipo de deficiência, Feira faz caminhada para marcar data internacional

7/12/2017, 21:37h

Uma caminhada que saiu da Praça do Nordestino com destino à Câmara de Vereadores, e passou pelas avenidas Senhor dos Passos, Getúlio Vargas e a rua Visconde do Rio Branco, com participações de representantes de entidades que atuam no setor, marcou, em Feira de Santana, a passagem do Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, comemorado no dia 3.

Projeções indicam que em Feira de Santana residam mais de 183 mil pessoas com algum tipo de deficiência, que correspondem a 26% da população. As secretarias de Desenvolvimento Social, de Saúde e Prevenção à Violência, mais a SMT (Superintendência Municipal de Trânsito), deram apoio ao evento.

Na Câmara foi realizada uma sessão especial, requerida pelo vereador Roberto Tourinho. Na caminhada estiverem presentes o vice-prefeito Colbert Filho e o secretário de Desenvolvimento Social, Ildes Ferreira, que destacou que o município ao longo dos últimos anos registra avanços significativos na inclusão de pessoas.

Sete leis municipais aprovadas este ano contemplam segmento 

“A Câmara apoia e reconhece a problemática da pessoa com deficiência”, disse Roberto Tourinho (foto), que também afirmou que apenas neste ano foram aprovadas sete leis voltadas aos direitos das pessoas com deficiência. A presidente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência, Gorete Cerqueira, disse que o município avança no atendimento e ações às necessidades deste segmento da sociedade local.

  •