SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

Confira os números do boletim epidemiológico da Covid-19 nesta quarta

8/7/2020, 18:28h
PREFEITURA DE FEIRA DE SANTANA
SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE
VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA

Relatório sobre Covid-19 em Feira de Santana

NÚMEROS DESTA QUARTA-FEIRA 
08 de julho de 2020

Casos confirmados no dia: 201

Pacientes recuperados no dia: 119

Resultados negativos no dia: 137

Pacientes internados no dia: 04

Óbitos no dia: 04

NÚMEROS TOTAIS

Total de pacientes ativos: 2.362

Total de casos confirmados no município:4.735 (Período de 06 de março a 08 de julho de 2020)

Total de pacientes em isolamento domiciliar: 2.287

Total de pacientes hospitalizados no município: 75

Total de recuperados no município: 2.296

Total de exames negativos: 4.684 (Período de 06 de março a 08 de julho de 2020)

Aguardando resultado do exame: 230

Total de óbitos: 77

Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Saúde de Feira de Santana

  •  

Fumacê inicia nesta quarta-feira combate ao aedes nos bairros de maior infestação predial

8/7/2020, 8:0h

A aplicação de inseticida, com uso de carro fumacê, nos dez bairros que apresentaram maiores índices de infestação predial do aedes aegypti será iniciada nesta quarta-feira, 8, pela Prefeitura de Feira de Santana.

Os veículos circularão pelas ruas do Feira X, George Américo, Tomba, Campo Limpo e Cidade Nova. Na quinta-feira, 9, o serviço será no Papagaio, Sobradinho, Brasília, Conceição, Papagaio e no distrito de Maria Quitéria.

A OMS (Organização Mundial de Saúde) considera tolerável menos de 1% a taxa de infestação das residências.

O inseticida será aplicado nas diversas ruas das localidades entre oito e 12 vezes – os veículos farão o trabalho no bairros em cinco vezes. O serviço será concluído no dia 5 de agosto

Além da dengue – neste ano em Feira de Santana já foram contabilizadas 3.331 notificações desta doença, o aedes aegypti é o mosquito da zika, chikungunya – outras 2720 notificações.

O coordenador do Centro de Referência em Endemias, Edilson Matos, disse que inseticida que será aplicado, que tem base a óleo – a base do anterior era a água, é mais eficiente, o que muda a dinâmica do trabalho.

Explica que o novo produto permanece mais tempo circulando no ar – por cerca de três horas, que aumenta a sua ação. Outro fator positivo, diz o coordenador, é a redução no tempo para a sua aplicação.

A velocidade do veículo foi aumentada em 50%, passando de 10 km/h para 15 km/h. O fumacê mata o inseto na fase adulta.

Recomenda-se que as portas das residências sejam abertas no momento em que o veículo passar, bem como colocar animais de estimação em local seguro, onde não haja contato direto com o inseticida.

A grande maioria dos focos de reprodução do aedes é encontrada dentro das residências pelos agentes de endemias, durante as suas visitas de rotina.

  •  

Novos leitos de UTI já estão funcionando no Hospital de Campanha

7/7/2020, 20:32h

Oito novos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) já estão disponíveis para receber pacientes acometidos pela Covid-19 no Hospital de Campanha da Prefeitura de Feira de Santana. Os novos leitos começaram a funcionar na noite desta terça-feira, 7. O prefeito Colbert Martins Filho anunciou em suas redes sociais.

Com isso, o Hospital de Campanha passa a contar com 18 leitos de UTI e 40 leitos clínicos – estes não foram ampliados, pois a demanda de ocupação é baixa. A medida visa reforçar o atendimento aos pacientes do novo coronavírus e não colapsar a saúde no município.

“Acabo de sair do Hospital de Campanha. Conforme anunciamos ontem, colocamos à disposição da população, agora a noite os oito novos leitos de UTI, prontos para receber pacientes em regulação”, disse o prefeito.

Ele ressaltou que “tem trabalhado dia e noite, buscando sempre o melhor para todos, principalmente neste momento em que estamos enfrentando uma fase difícil devido ao amento de casos em nossa cidade”.

  •  

Confira os números do boletim epidemiológico da Covid-19 nesta terça

7/7/2020, 18:37h
PREFEITURA DE FEIRA DE SANTANA
SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE
VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA

Relatório sobre Covid-19 em Feira de Santana

NÚMEROS DESTA TERÇA-FEIRA 
07 de julho de 2020

Casos confirmados no dia: 135

Pacientes recuperados no dia: 111

Resultados negativos no dia: 69

Alta hospitalar: 03

Óbitos no dia: 03

NÚMEROS TOTAIS

Total de pacientes ativos: 2.284

Total de casos confirmados no município:4.534 (Período de 06 de março a 07 de julho de 2020)

Total de pacientes em isolamento domiciliar: 2.213

Total de pacientes hospitalizados no município: 71

Total de recuperados no município: 2.177

Total de exames negativos: 4.547 (Período de 06 de março a 07 de julho de 2020)

Aguardando resultado do exame: 299

Total de óbitos: 73

Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Saúde de Feira de Santana

  •  

Feira de Santana atingiu pico da epidemia, acredita coordenadora do Comitê

7/7/2020, 7:29h

A epidemiologista Melissa Falcão, que coordena o Comitê de Controle do Coronavírus no município, disse acreditar que Feira de Santana atingiu o pico da epidemia pela Covid-19 e a tendência nos próximos dias é que o número de novos infectados diminua.

Momento delicado que tem sido observado, diz a médica, uma demanda maior pelas UTIs (Unidade de Terapia Intensiva) e o aumento da oferta de leitos clínicos no Hospital de Campanha.

A média de ocupação destes leitos – a unidade oferece 50 vagas, está em torno de 56% e os de UTI chegou à sua totalidade. A leitura da situação, afirma, é de que este problema de saúde não está sendo detectado precocemente.

“Estão chegando para internar no momento grave e precisando de UTI”, disse a médica. “Na rede municipal o problema pode ser resolvido seguindo corretamente o protocolo do município de combate à doença e hospitais da rede privada internar precocemente os pacientes”.

Segundo ela, muitas vezes o paciente procura o sistema de saúde quando já está com falta de ar. “Quem estiver com suspeita de coronavírus ou gripe, nos primeiros sinais de dificuldade de respirar, mesmo que seja leve, deve se dirigir à unidade de saúde”.

A coordenadora do Comitê também disse que o sistema de saúde municipal colocou como regra que todos os pacientes tenham a saturação do sangue medida e orientou as pessoas que buscam atendimento que não aceitem deixar a unidade sem que esta avaliação seja realizada.

  •  

UTI de Hospital de Campanha vai ganhar novos leitos

7/7/2020, 7:18h

A UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital de Campanha para infectados pelo coronavírus, que tem dez, vai ganhar entre seis e dez novos leitos. A informação é do prefeito Colbert Filho.

Ele argumenta que no momento não existe a necessidade de novos leitos clínicos – no Hospital de Campanha o índice de ocupação é de aproximadamente 60%, mas de UTI, que chegou a 100% de ocupação.

Este aumento no numero de leitos de UTI está relacionado ao crescimento dos diagnósticos da doença nas últimas semanas e a demanda por este tipo especializado de serviço.

A quantidade a ser instalada, diz, está relacionada às condições de adaptação do prédio onde a unidade de saúde temporária está funcionando.

Os novos leitos estão condicionados a um aditivo ao contrato assinado com a empresa que administra o hospital – no documento inicial consta a quantidade de dez leitos, daí a necessidade da reorganização financeira.

Os valores pelas novas instalações, de acordo com o prefeito, terá como base a contratação inicial para os dez leitos. As negociações passarão pela avaliação da PGM e da Controladoria.

Colbert Filho disse que a ideia que vinha sido pensada era construir um novo hospital de campanha. A ideia não foi à frente devido a demanda de tempo que seria necessária para a construção do equipamento.

“Um novo hospital demandaria, no mínimo, três semanas. A conclusão seria para meados de julho, período no qual provavelmente já não teria tanta importância”. Teria dez leitos de UTI e outros 24 clínicos.

  •  

Profissionais do SAMU qualificados para atuar no combate ao coronavírus

7/7/2020, 7:11h

Profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) participaram do curso “Protocolo de via áera avançada em suspeita de Covid-19”. O curso, que começou nesta segunda-feira, 6, visa aperfeiçoar esses profissionais para atender pacientes com suspeita de coronavírus em Feira de Santana. As aulas teóricas foram online e a parte prática está sendo realizada no auditório da Secretaria Municipal de Saúde. As turmas foram divididas em três para evitar aglomeração.

“A divisão é importante para que a gente evite que os profissionais fiquem muito tempo no mesmo ambiente. Os profissionais veem na prática a intubação orotraqueal e máscara laríngea. É importante fornecermos todas as ferramentas necessárias para que os profissionais estejam seguros na hora do atendimento”, explica Fabrícia Passos Pinto, coordenadora do Núcleo de Educação Permanente do SAMU.

O curso é resultado de uma parceria entre o Governo do Estado, Prefeitura Municipal de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Saúde, Universidade Estadual de Feira de Santana e o Conselho Regional de Enfermagem da Bahia (Coren). As aulas práticas serão encerradas nesta terça-feira, 7.

  •  

Secretaria de Saúde passa a funcionar das 8h às 13h para atendimento ao público

6/7/2020, 20:46h

A Secretaria Municipal de Saúde de Feira de Santana, órgão da Prefeitura, passa a funcionar para atendimento ao público das 8h às 13h a partir desta terça-feira, 07. Após esse horário terá apenas funcionamento interno. 

Por serem serviços essenciais e indispensáveis a população neste momento de pandemia, as unidades básicas de saúde e de saúde da família, Policlínicas, Unidades de Pronto Atendimento e Hospitais deverão manter o expediente normalmente.

A medida cumpre determinação do decreto de n° 11.634, publicado no Diário Oficial do Município, que dispõe de novas medidas para o enfrentamento da calamidade pública de saúde decorrente do coronavírus e tem validade até o dia 13 de julho, podendo ser renovado ou não.

  •  

Confira os números do boletim epidemiológico da Covid-19 nesta segunda

6/7/2020, 19:24h
PREFEITURA DE FEIRA DE SANTANA
SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE
VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA

Relatório sobre Covid-19 em Feira de Santana

NÚMEROS DESTA SEGUNDA-FEIRA 
06 de julho de 2020

Casos confirmados no dia: 62

Pacientes recuperados no dia: 80

Resultados negativos no dia: 104

Óbitos no dia: 02

NÚMEROS TOTAIS

Total de pacientes ativos: 2.263

Total de casos confirmados no município:4.399 (Período de 06 de março a 06 de julho de 2020)

Total de pacientes em isolamento domiciliar: 2.189

Total de pacientes hospitalizados no município: 74

Total de recuperados no município: 2.066

Total de exames negativos: 4.478 (Período de 06 de março a 06 de julho de 2020)

Aguardando resultado do exame: 342

Total de óbitos: 70

Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Saúde de Feira de Santana

  •  

Confira o cronograma do carro fumacê em Feira de Santana

6/7/2020, 13:53h

Devido o índice de notificações de casos suspeitos de dengue totalizando 3.331 registros até o mês de junho em Feira de Santana e 2.720 suspeitos de chikungunya no mesmo período, a Prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Saúde está realizando a aplicação do inseticida com o carro fumacê em dez bairros com maior índice dos registros.

A programação segue para os bairros: Brasília, Feira X, Conceição, George Américo, Sobradinho, Tomba, Campo Limpo, Cidade Nova, Papagaio e distrito de São José, também conhecido como Maria Quitéria (confira tabela com as datas no final da matéria). A aplicação será feita em cinco ciclos nos mesmos bairros, sendo que já se encontra no segundo ciclo de aplicação. Em breve será divulgado o cronograma para demais localidades.

A Secretaria de Saúde recomenda que as pessoas abram as portas e janelas de casa para permitir que a nuvem de inseticida chegue a todos os cômodos. Outra orientação é para que retirem os animais de estimação que possivelmente estejam na garagem ou jardins das casas no momento em que o carro esteja passando.

Segundo informa Edilson Matos, coordenador do Centro de Referência em Endemias, o trabalho estava sendo feito com a bomba costal motorizada, porém devido as circunstâncias o carro fumacê oferece melhor eficácia por questões de logística.

Com a mudança do inseticida todos os profissionais passaram por treinamento para aplicação do material, que possui especificidades de aplicação diferentes do antigo. “Estamos agora trabalhando com um material de grande qualidade, feito a base de óleo e não mais a base de água. Esse produto novo passa mais tempo no ar, cerca de três horas fazendo efeito e por esse motivo estamos realizando a aplicação de forma mais rápida”, explica o coordenador.

Os cinco carros fornecidos pelo Governo do Estado realizam a aplicação em 15km por hora, e antes era feito em uma velocidade inferior, cerca de 10km por hora. Outra mudança é que a aplicação era feita a cada três ciclos e agora é feita a cada cinco ciclos.

Para Edilson, a colaboração da população é fundamental no processo de eliminação dos possíveis focos do mosquito, visto que o inseticida utilizado no carro fumacê elimina apenas os mosquitos alados, isto é, que estão em fase adulta e de reprodução, interrompendo parte do ciclo, porém não eliminam as larvas.

 

BAIRROS

DATAS / JULHO E AGOSTO / CICLOS 2 A 5

Brasília

10, 11, 17, 18, 24, 25, 31/07 e 01/08

Feira X

08, 09, 10, 16, 17, 18, 24, 25, 26/07 e 01, 02, 03/08

Conceição

10, 11, 12, 18, 19, 20, 26, 27, 28/07 e 03, 04, 05/08

George Américo

08, 09, 10, 16, 17, 18, 24, 25, 26/07 e 01, 02, 03/08

Sobradinho

10, 11, 17, 18, 24, 25, 31/07 e 01/08

Tomba

08, 09, 10, 16, 17, 18, 24, 25, 26/07 e 01, 02, 03/08

Campo Limpo

08, 09, 10, 16, 17, 18, 24, 25, 26/07 e 01, 02, 03/08

São José (Maria Quitéria)

10, 11, 17, 18, 24, 25, 31/07 e 01/08

Cidade Nova

08, 09, 10, 16, 17, 18, 24, 25, 26/07 e 01, 02, 03/08

Papagaio

10, 11, 12, 18, 19, 20, 26, 27, 28/07 e 03, 04, 05/08

 

  •