SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

Em mais um caso de transmissão local, homem de 54 anos é 22⁰ infectado de coronavírus em Feira

5/4/2020, 11:43h

Um homem de 54 anos de idade foi diagnosticado neste domingo, 5, com coronavírus, em Feira de Santana. A Vigilância Epidemiológica Municipal recebeu esta manhã o resultado do exame, feito pelo Laboratório Central de Saúde do Estado da Bahia.

Agora são 22 casos confirmados do Covid 19, como o vírus também é denominado, no município de Feira de Santana. Nenhum óbito. Uma pessoa encontra-se internada em hospital da rede privada. 

O infectado passa bem e encontra-se em isolamento domiciliar. As autoridades de saude estão monitorando todas as lessoas com quem o homem teve  contato até o momento em que foi feita a coleta de material para exame e ele passou a se tornar suspeito de portar o vírus.

A Secretaria Municipal de Saúde informa que se trata de uma  transmissão de caráter  local (a partir de um portador do vírus devidamente identificado e em monitoramento pelas autoridades). 

Nao existe até aqui, no município, registro de transmissão comunitária da doença, situação em que as autoridades não conhecem a origem da infecção.

  •  

Unidade de Saúde Candeal II será inaugurada nesta segunda-feira

5/4/2020, 9:11h

Na manhã desta segunda-feira (06) mais uma Unidade de Saúde da Família será inaugurada pelo prefeito Colbert Martins Filho. A cerimônia inicia a partir das 8h, na localidade de Candeal II, distrito de Matinha, próximo a Escola Municipal.

O novo equipamento da Secretaria Municipal de Saúde faz homenagem ao Frei Luiz Alberto Lemos Rodrigues (Frei Beto) e conta com sala de vacina, curativo, almoxarifado, lavagem e esterilização de materiais, farmácia, copa, consultório médico, consultório odontológico e consultório de enfermagem.

  •  

Feira tem 20 exames negativos neste sábado e nenhum novo caso de coronavírus

4/4/2020, 19:51h

Nenhum novo caso confirmado de Coronavírus em Feira de Santana, neste sábado. A boa notícia é que 20 exames de pessoas que apresentam suspeitas do vírus,foram liberados hoje e todos  deram resultado negativo. As informações são da Divisão de Vigilância Epidemiológica do Município.

Feira de Santana continua, portanto, com 21 pessoas infectadas pelo Covid 19. Uma delas segue internada em um hospital local e todas as outras 20 encontram-se em isolamento domiciliar.

  •  

Mulher contrai coronavírus em Salvador, mas entra na estatística de Feira porque o cartão SUS dela é desta cidade

4/4/2020, 9:58h

Uma mulher, funcionária  de alguém  infectado, contraiu coronavírus, sendo o 21⁰ caso  confirmado na estatística local.

Ambas  se encontram  no momento em Salvador, mas constam como casos registrados em Feira  porque o cartão SUS delas é deste município. 

No momento, a Vigilância Epidemiológica  aguarda pela ficha de notificação desta nova paciente, a ser encaminhada pela Secretaria de Saúde do Estado.

Embora se encontrem atualmente na capital, a Vigilância Epidemiológica de Feira se mantem informada e monitorando  contatos que esta paciente mais recente manteve nesta cidade.

  •  

Paciente de coronavírus que saiu da UPA caminhando para hotel não quis esperar ambulância e expôs comunidade a risco

3/4/2020, 19:15h

O paciente de Covid 19, de 31 anos de idade, que deixou uma policlínica municipal e saiu caminhando para o hotel onde se encontra confinado não quis esperar uma ambulância retornar de Salvador, para conduzi-lo. A informação é da médica infectologista Melissa Falcão, coordenadora do Comitê Municipal de Acompanhamento e Controle das Ações Preventivas Contra o Coronavírus.

O esclarecimento está sendo feito porque o paciente, residente na cidade de Sertãozinho, em São Paulo, de passagem a trabalho por Feira de Santana, concedeu entrevistas reclamando contra o atendimento no Município.

Quanto a demora de permanencia dele na Unidade de Pronto Atendimento, a médica informou que o tempo que ele passou na UPA foi necessário para  fazer os exames específicos e prescritos pela equipe médica que o acompanha.

O cidadão reclamou ainda da alimentação que recebeu na UPA. Conforme a médica, a comida foi adequada para o paciente, que, uma vez sendo assistido em qualquer  unidade hospitalar,  "não pode escolher o que comer".

Ela informou também que o paciente,  em isolamento e sendo monitorado pela equipe médica, teve uma atitude perigosa ao não esperar pela ambulância e se dirigir  a pé da UPA da Queimadinha para o hotel. "Colocou toda a equipe em risco e também pessoas que eventualmente encontrasse no caminho".

  •  

Mulher de 37 anos, após contato com infectado local, adquire coronavírus

3/4/2020, 19:9h

Uma mulher de 37 anos de idade é mais um caso de cononavírus em Feira de Santana. Ela contraiu o Covid 19 através de contato com uma pessoa infectada. Em isolamento domiciliar, a paciente encontra-se estável.

Agora são 20 os registros de infecção por coronavírus em Feira, de acordo com os dados da Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica.

  •  

Prefeitura promove blitz de prevenção a Covid-19 nas entradas da cidade até esta sexta-feira

2/4/2020, 11:14h

Em dois pontos de entrada e saída do município de Feira de Santana, localizados próximo ao Ministério Público e Rodoviária, equipes da Prefeitura estão realizando uma blitz de prevenção ao coronavírus, abordando os ônibus intermunicipais – que porventura estejam circulando na cidade – carros de passeio e vans vindos dos estados e cidades com transmissão comunitária da Covid-19. A ação segue ininterrupta das 7h às 18h, até esta sexta-feira (03).

A estratégia do Governo do prefeito Colbert Martins Filho tem o objetivo de avaliar e notificar possíveis casos suspeitos do novo coronavírus que estejam chegando ou saindo do município, promovida pela Secretaria Municipal de Saúde através da Vigilância Epidemiológica e Sanitária, e tem apoio da Superintendência Municipal de Trânsito (SMT) e Polícia Militar da Bahia.

“Estamos medindo a temperatura com um termômetro a laser, que evita contato direto com o paciente, para averiguar se há febre. Questionamos  o histórico de viagem, sintomas, e a partir das respostas averiguamos se enquadra nos critérios de notificação” explica Kérssia Leal, coordenadora da Vigilância Sanitária.

Ainda de acordo com ela, após constatar que o passageiro é um possível caso suspeito da Covid-19 a Vigilância Epidemiológica faz o registro e realiza os devidos encaminhamentos e orientações. Cerca de dezesseis pessoas foram notificadas durante essa abordagem iniciada na última terça-feira, 31

“Estamos abordando também carros com a nova placa do Mercosul, pois não identifica de qual local o veículo está vindo”, acrescentou.

O prefeito Colbert Martins Filho pede a colaboração de todos os motoristas para pararem ao ser abordado. “Colabore, é rapidinho, essa blitz é para sua saúde e não vai tomar muito do seu tempo”, enfatizou.

  •  

Uma mulher de 29 anos e um adolescente de 17 tem diagnóstico confirmado de coronavírus em Feira

1/4/2020, 18:27h

Mais dois casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19) foram  diagnosticados em Feira de Santana, nesta quarta-feira, 01 de abril. Pela manhã mais um caso já havia sido divulgado pela Vigilância Epidemiológica da Prefeitura. Portanto, sobe para 19 o número de pessoas infectadas neste município.

Um dos novos pacientes trata-se de uma mulher, 29 anos de idade, que teve contato com os pais recém-chegados de Brasília - ambos também serão  examinados e monitorados pela Secretaria Municipal de Saúde, bem como outros possíveis contatos do casal.

Brasília é um dos principais focos do coronavírus no Brasil. A jovem se encontra internada em uma unidade hospitalar sob cuidados de uma equipe multidisciplinar. As pessoas com as quais a mulher teve  contato estão sendo monitoradas.

O terceiro caso de confirmação do Covid 19 nesta quarta-feira pelo Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia é  uma jovem de 17 anos de idade. Ela teve contato com o homem de 29 anos de idade com histórico de viagem a São Paulo. Seu estado de saúde é estável.

MAIS DOIS ESTÃO CURADOS 

Duas pessoas foram liberadas do isolamento social nesta quarta por não apresentar mais sintomas do Covid 19, após 14 dias de confinamento residencial, conforme recomendação do Ministério da Saúde, totalizando agora  cinco casos de pessoas que contrairam o coronavírus e estão   curados no município.

A Vigilância Epidemiológica Municipal ressalta que todas as pessoas que tiveram contato com os casos diagnosticados estão sendo monitoradas diariamente, desde quando notificado como caso suspeito.

  •  

Homem de 47 anos, funcionário de um infectado, é 17⁰ caso de coronavírus em Feira

1/4/2020, 11:53h

Feira de Santana contabiliza nesta manhã de quarta-feira, 1 de abril, mais um caso confirmado de coronavírus. É um homem de 47 anos de idade. Ele contraiu o Covid-19 de seu patrão, infectado recentemente. Este é oficialmente o 17⁰ registro da doença no município, sendo que três já estão liberados do isolamento domiciliar por não possuir mais a doença.

O patrão, diagnosticado no último dia 24, possui histórico de viagem a São Paulo e já havia transmitido a doença para o filho, esposa, pai, mãe e uma funcionária.

Todos faziam parte do monitoramento da Vigilância Epidemiológica Municipal e, ao apresentar os sintomas, submetidos a exame no Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen).

As pessoas as quais ele transmitiu o coronavírus passam bem, encontram-se em isolamento domiciliar sem necessidade de atendimento em hospital, porém acompanhados pela Secretaria Municipal de Saúde. 

INVESTIGAÇÃO DE DOMICÍLIO 

Dois casos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus que se encontravam em investigação de domicílio não vão constar das estatísticas de Feira de Santana. 

O Núcleo Regional de Saúde Centro Leste, órgão do Governo do Estado, informou a Secretaria Municipal de Saúde que a mulher recém-chegada de Salvador a esta cidade e o homem residente em Sertãozinho, São Paulo, foram diagnosticados aqui, mas não são casos que devam ser considerados locais.

  •  

Vacinação contra gripe é retomada nesta quarta-feira

31/3/2020, 18:37h

Cerca de 13.450 doses da vacina contra a influenza foram recebidas pela Prefeitura, através da Secretaria de Saúde. A partir desta quarta-feira (01) a vacinação será retomada em todas as unidades básicas de saúde e de saúde da família.

As equipes de saúde estarão dando continuidade a campanha nacional de vacinação contra a influenza, realizando a vacinação dos idosos que comparecerem as unidades, bem como dos profissionais de saúde.

Neste momento, para evitar grande fluxo de pessoas nas unidades, a orientação do setor de imunização é para que as empresas de saúde encaminhem um ofício solicitando as doses para vacinar os trabalhadores em seus respectivos locais de trabalho. O documento deve ser entregue no setor Rede de Frio, localizado na Secretaria Municipal de Saúde.

“É preciso conter o nome completo de cada colaborador, bem como o número de matrícula e quantidade total. Serão aceitos ofícios com quantidade superior a 30 funcionários. As empresas que possuírem um número inferior não precisam solicitar, basta orientar a equipe para se dirigir a unidade de saúde”, explica Simone Neves, coordenadora do setor de imunização.

Ainda de acordo com ela, neste momento a vacinação dos profissionais de saúde deve ser intensificada, visto que já foi imunizado 76% dos idosos que também fazem parte do público alvo nesta primeira etapa e apenas 23% dos profissionais de saúde estão imunizados.

Na avaliação da coordenadora do setor de imunização, o quantitativo recebido é insuficiente para a demanda. “Já sinalizamos aos órgão competentes que a busca pela vacina tem sido muito grande e estamos nos esforçando para receber um quantitativo maior pois esta remessa é insuficiente para a demanda”, pontuou.

A vacina contra influenza não possui contraindicação, porém pessoas com febre devem adiar a vacinação e pessoas com alergia a proteína do ovo, mesmo não havendo restrição, devem comunicar ao profissional de saúde.

Indivíduos com sintomas de resfriado ou gripe devem se dirigir a unidade de saúde utilizando máscara ou solicitar na recepção. A Secretaria de Saúde orienta que evitem levar acompanhantes, exceto em casos necessários, como: menores de 18 anos, idosos que precisam de companhia, pessoas com dificuldade de locomoção e necessidades especiais, entre outros.

A primeira etapa da campanha atende exclusivamente pessoas acima de 60 anos de idade e trabalhadores da saúde, que devem procurar as unidades de saúde entre os dias 23 de março a 15 de abril.

Na segunda etapa da campanha, que começa dia 16 de abril a 8 de maio, professores de escolas públicas e privadas, profissionais das forças de segurança e salvamento podem ser vacinados.

A última etapa da campanha abrange crianças de seis meses a menores de seis anos (5 anos, 11 meses e 29 dias), pessoas de 55 a 59 anos de idade, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, gestantes, mulheres em período pós parto, povos indígenas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional. Segue entre os dias 09 a 22 de maio.

  •