Cicaf certifica 516 concluintes em cursos profissionalizantes

12/12/2018, 17:21h

O Centro Integrado de Capacitação ao Adolescente e Família Gilza Melo (CICAF), equipamento da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso), certificou mais 516 concluintes em cursos profissionalizantes. A solenidade foi realizada na tarde desta quarta-feira, 12, na Igreja do Avivamento Bíblico, na avenida Senhor dos Passos, equina com a rua Senador Quintino.

A certificação nos cursos profissionalizantes, conforme observa o secretário de Desenvolvimento Social (Sedeso), Ildes Ferreira, é um passo importante visando o preparo da mão-de-obra para as pessoas disputarem as vagas no mercado de trabalho. Ele aconselhou ainda os concluintes dos cursos a continuarem se especializando em outros cursos.

A coordenadora do Cicaf, Simone Lopes, ressaltou que o órgão ofereceu este ano cursos Básico Integrado, Aprendiz Empresarial, Auxiliar Administrativo, Atendente de Farmácia, Corte e Escova, Corte Masculino, Penteado, Depilação, Garçom/garçonete e Informática para adultos. Lembrou também que alguns cursos também foram levados ao CEU da Cidade Nova, através da coordenadora do CEU, Lai Ribeiro, e do coordenador da unidade gestora, Amarildo Costa.

O vereador Isaias de Diogo, que esteve representando o Legislativo feirense, lembrou que o prefeito Colbert Martins está em Brasília, buscando recursos para serem investidos em obras em Feira de Santana. Também esteve presente a diretora do Departamento de Cidadania, Ivone Magalhães.

Ex-aluno do curso de garçom, Oldair José Silva de Assis, deu testemunho do quanto suas portas abriram após o ingresso no Cicaf. Da mesma forma Cleide Costa Nascimento hoje já é metre, gerenciando uma pizzaria de grande porte na cidade.



  •  

Definidos novos membros do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher

12/12/2018, 17:18h

O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher (CMDDM) já tem novos membros representantes de entidades/organizações da sociedade civil organizada definidos, para o biênio 2019/2021. A eleição foi realizada na manhã desta quarta-feira, 12, na Casa dos Conselhos, à rua Domingos Barbosa de Araújo, bairro Kalilândia.

Representando o segmento de organizações religiosas foram eleitos como titular o Dispensário Santana (37 votos) e como suplente a Cáritas Arquidiocesana de Feira de Santana (24 votos válidos). Pelo segmento de entidades de classe – sindicato rural, o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras da Agricultura Familiar do Município de Feira de Santana foi eleito como titular com 60 votos.

Pelo segmento de entidade de classe – sindicato urbano, houve vacância. Enquanto isso, para representar instituições de defesa da igualdade racial foi eleito como titular o representante do Núcleo Cultural Educacional e Social Quilombola – Odungê, com 54 votos válidos.

Pelo segmento de associação de mulheres foi eleita como titular a Associação Cristã Beneficente Nossa Senhora de Humildes (ACBNSH), com 44 votos, ficando como suplente o Coletivo de Mulheres (COMU), com 12 votos. A Associação Feminina do Feira X obteve 5 votos válidos enquanto a Associação dos Moradores do Povoado do Tanquinho e Adjacências (Ampota) obteve 9 votos válidos.

Para representar o segmento de instituições de ensino superior foi eleita como titular a Faculdade Pitágoras, com 51 votos válidos. A eleição foi coordenada pela comissão eleitoral presidida por Cacilda Miranda da Silva.



  •  

Aluno de 13 anos é exemplo de evolução a partir do Programa Música na Escola

12/12/2018, 16:34h

O clima das comemorações natalinas contagia os alunos envolvidos no programa Música na Escola todo final de ano. Porém, Lucineide Aquino Brito, mãe de Vanildo Xavier dos Santos, 13 anos, tem muito mais a celebrar do que o Natal. Para ela, a mudança no comportamento do seu filho foi o maior presente. Vanildo é estudante do 5º ano da Escola Municipal Carlos Alberto do Carmo, do bairro Feira IX.

Na manhã de segunda-feira, 10, Lucineide viu de perto, pela segunda vez, a habilidade do seu filho. “Tem futuro!”, comemorou. O garoto foi um dos integrantes do grupo que tocou flauta doce na programação do Natal na Escola, na unidade de ensino.

Apresentação feita por alunos do 2º ao 5º ano da Escola Carlos Alberto do Carmo

Alunos do 2º ao 5º ano, integrantes do Programa Música na Escola, participaram das atividades. A mãe de Vanildo conta que desde que ele ingressou no programa, em 2015, seu comportamento mudou.

“Ele não gostava de estudar, eu precisava ficar sempre relembrando. Hoje em dia, ele está mais obediente e respeitoso”, diz. Vanildo admite seu antigo mau comportamento, mas também reconhece a mudança; a flauta e as amizades conquistadas no programa são fatores que ele destaca como maiores causas de sua transformação.

Josinete dos Santos Santana, monitora do Música na Escola na modalidade Instrumento, foi surpreendida pelo aluno antes do evento. “A programação estava marcada para começar às 8:00; ele chegou aqui às 7:30 pedindo para ensaiar”, conta a professora, rindo.

Programa contribui para melhora na leitura e da frequência 

Para ela, muitos aspectos do programa influenciam essa mudança. “Além da música que, por si só já tem esse potencial, os requisitos para participação são cruciais, como a melhora na leitura e a frequência regular na escola”, destaca.

A diretora da escola, Denise Freitas Silva, descreve as apresentações que marcam o fim de ano como fundamentais para mostrar aos pais todo o trabalho que é desenvolvido com os alunos durante as aulas. "Muitos não conseguem prestigiar as atividades regulares, portanto, esse momento em conjunto é uma ótima oportunidade, pois conseguimos mostrar o quanto os alunos se envolvem com o programa, o quanto ele é importante na formação deles".

Os estudantes da Educação de Jovens e Adultos da Escola Municipal Carlos Alberto, que compõem o coral do programa na unidade de ensino, também se apresentaram no turno da noite.



  •  

Prefeitura implanta nova linha de ônibus entre o Terminal Central e o América Outlet

12/12/2018, 15:43h

Uma nova linha de transporte público urbano está atendendo a partir desta quarta-feira, 12, a comunidade de Feira de Santana que precisa de facilidade e segurança no deslocamento até o empreendimento comercial América Outlet, localizado na BR-324, no acesso da Av. Noide Cerqueira.

Implementada pela Prefeitura Municipal de Feira de Santana, por determinação do prefeito Colbert Martins Filho, através da Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), a nova linha 035-Outlet via Noide oferta a primeira viagem do dia às 9h, no Terminal Central, e contempla os usuários que estiverem nos pontos de ônibus localizados na Avenida Getúlio Vargas, além de percorrer toda a extensão da Avenida Noide Cerqueira. Neste trecho, especialmente, será instalado um novo ponto de integração logo após o viaduto que cruza a Avenida Eduardo Fróes da Mota (Contorno), nas imediações da academia Gold Fitness. 

O desembarque final do passageiro será em uma área reservada para ônibus no estacionamento do América Outlet. De segunda a sábado, o passageiro tem sete opções de horários no trajeto de ida, sendo: 9h / 12h10 / 13h30 / 15h30 / 18h / 19h40 / 21h20. 

Já no retorno (América Outlet para o Terminal Central) o usuário terá mais sete horários disponíveis: 10h / 12h50 / 14h15 / 16h15 / 19h / 20h30 e 22h20.  

Aos domingos, quando ocorre o aumento do fluxo de visitantes ao equipamento comercial em busca de serviços, lazer e entretenimento, a exemplo das salas de cinema, os horários foram ajustados pela SMTT visando customizar o atendimento ao cidadão de acordo o funcionamento do mercado varejista. 

“O primeiro ônibus sai do Terminal Central às 11h30 e o ciclo de cinco deslocamentos oferta ônibus às 13h, 15h, 17h, 20h, com o último balão [retorno], às 22h, direto do ponto de ônibus instalado no estacionamento do América Outlet”, explica Rodolfo Júnior, diretor municipal de Transportes. 

Garantia de transporte público para mais de 300 trabalhadores

Mais de 300 trabalhadores terão a segurança e a facilidade de sair de casa e chegar ao local de trabalho. “Priorizamos o aspecto social, bem como facilitar a mobilidade do cidadão, usuários do transporte coletivo, ao trabalho, a serviços, ao lazer e ao entretenimento”, explica o secretário da pasta, Saulo Figueiredo.

Ele frisa que outras centenas de trabalhadores serão contemplados com a ampliação da oferta de ônibus, a exemplo de funcionários das diversas fábricas instaladas às margens da BR-324.

As linhas 09 - Polo Industrial/Terminal Central, 02 - Humildes via Limoeiro, 32 - Limoeiro/Terminal Central e a linha 34 - Aviário via BR-324 complementam o atendimento da demanda desta região com um total de 80 ciclos de viagens por dia.

Embarcar e desembarcar dentro do shopping é mais seguro, diz comerciária

“Ficou muito melhor e vejo a segurança como principal aspecto. Embarcar e desembarcar dentro do shopping deixa a gente mais seguro, principalmente à noite após o expediente”, relata a funcionária de uma loja, Renata dos Santos.

Para Felipe Ribeiro, colaborador de uma das lojas comerciais, a comodidade será tanto para os trabalhadores quanto para a população que usa o local como centro de comprar e lazer. “Eu adorei a ideia. Pegar o ônibus no Terminal Central e saltar no Outlet é rápido e seguro. Todos mundo sai ganhando”, afirma.

O motorista responsável por operar o lançamento da nova linha, Adailton Valadares, ressalta que desde as primeiras horas os usuários têm elogiado a iniciativa. “Todos que entraram no ônibus falaram bem. É bom trabalhar e ver o passageiro satisfeito”.

Chega em um momento oportuno

Para o superintendente do América Outlet, Marcelo Santos, a nova linha chega em um momento oportuno de aquecimento natural da economia. “Diariamente mais de duas mil pessoas circulam aqui e, aos finais de semana, esse fluxo mais do que dobra. A nova linha 35 atenderá a população que realiza as compras de fim de ano”, ressalta.

Aplicativo SIU MOBILE

O usuário também pode acompanhar o horário de chegada e de partida dos ônibus através do aplicativo SIU MOBILE, disponível para smartphones com recursos de GPS.

O App pode ser baixado gratuitamente pelo usuário através do Google Play (plataformas Android e Windows), IOS ou ainda pelo site www.viafeira.com.br.

O usuário do Sistema Integrado de Transporte (SIT) que possui o Cartão Via Feira terá direito ao benefício social da meia passagem (R$1,90) oferecido aos domingos e feriados pela Prefeitura.



  •  

Sociedade civil elege novos representantes para Conselho da Mulher

12/12/2018, 13:35h

Representantes de diversos segmentos organizados da sociedade civil elegeram, na manhã desta quarta-feira, 12, os novos membros do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher de Feira de Santana. A votação ocorreu na Casa dos Conselhos, no bairro Kalilândia, sob a coordenação de membros da Comissão Eleitoral.

A eleição é para representantes de seis segmentos. Pelo segmento de Instituições Religiosas concorrem o Dispensário Santana e Cáritas Diocesana de Feira de Santana. Já no segmento de Entidades de Classe – Sindicato Rural concorrem Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras da Agricultura Familiar do Município de Feira de Santana.

Pela entidade de classe – sindicato urbano, houve vacância. Para representar as Instituições de Defesa da Igualdade Racial concorre o Núcleo Cultural Educacional e Social Quilombola – Odungê. Pelo segmento de associação de mulheres estão na disputa a Associação Cristã Beneficente Nossa Senhora de Humildes (ACBNSH), o Coletivo de Mulheres (COMU), a Associação Feminina do Feira X e a Associação dos Moradores do Povoado de Tanquinho e Adjacências (Ampota). E representando as faculdades a Pitágoras.

A presidente da Comissão Eleitoral, Cacilda Miranda da Silva, considerou que a votação ocorreu em clima de tranquilidade. E para garantia do sigilo do voto, foi instalada uma cabine eleitoral para preenchimento dos votos por categoria e colocada urna eleitoral. A votação foi realizada no período da manhã.

Outros sete representantes governamentais serão indicados pelo Poder Executivo. O mandato, será para o período de 2019 a 2021. Já a escolha da nova presidente, em substituição a Maria Josailma Ferreira Lima Santos, será após a posse dos conselheiros.



  •  

Museu Parque do Saber comemora uma década de existência

12/12/2018, 12:9h

Observar as estrelas e as constelações presentes no céu feirense nunca mais foi a mesma coisa depois do dia 15 de dezembro de 2008. E até hoje, 10 anos depois, ainda não é. O motivo é a tecnologia presente no planetário do Museu Parque do Saber Dival da Silva Pitombo, que há uma década mantém a excelência em seu material e serviço. 

Nesta terça-feira, 11, foi comemorada a primeira década de existência, com uma homenagem especial a todos os envolvidos com o projeto inicial. Na oportunidade, o prefeito Colbert Martins Filho destacou a importância do equipamento para o fomento da cultura e educação na cidade. 

O evento também contou com as presenças do idealizador César Orrico, os arquitetos Arcênio Oliveira e José Reinaldo, o ex prefeito José Ronaldo de Carvalho e o diretor do Museu, Basílio Fernandez. 

Ao longo de 10 anos, com cerca de aproximadamente 400 mil visitas, o Museu se tornou um importante ponto turístico e pedagógico. O grande atrativo do Parque do Saber é seu planetário, com um equipamento especializado em projeções fulldome e 12 filmes em seu catálogo. Abordando diversos temas entre ciência e cultura, a imersão nas histórias é garantida. O Museu, contendo um foyer preparado para receber eventos e obras de arte, também tem contribuído bastante para fomentar a cultura e as artes na cidade. 

Filho de Dival Pitombo destaca homenagem

Levando o nome Dival da Silva Pitombo, é uma homenagem a um grande incentivador de atividades culturais em Feira de Santana. Seu filho, Giorgio Trindade Pitombo (foto), estava presente na comemoração do aniversário, e destacou a importância do nome do pai em um local que movimenta a cultura.

“Na época em que o ex-prefeito resolveu nomear o Museu com essa homenagem ao Dival Pitombo, foi um marco muito importante, porque ele sempre lutou pela cultura aqui em Feira, quando era praticamente sozinho. Então é um reconhecimento terem criado esse espaço com o nome dele. Um espaço que abriga eventos e traz a cultura para nossa cidade. Isso é sempre motivo de muito orgulho”, comenta.

Documentário sobre o museu foi apresentado

Contar os feitos de uma década em uma noite é quase impossível, mas o documentário “Parque do Saber: Uma década de descobertas” teve a tarefa de relembrar as dificuldades, as histórias e como está sendo conduzido esse projeto alguns anos depois. “Ele fez uma síntese e apresentou importantes momentos que aconteceram, mas que acabaram se tornando atuais. E ter sido apresentado no planetário foi uma coisa muito interessante porque ficou como se fosse a teoria e a prática. Acabou sendo muito oportuno, foi o ponto alto da noite”, conta o diretor Basílio Fernandez.

O documentário será disponibilizado em episódios nas redes sociais do Museu Parque do Saber ao longo do mês de dezembro, como uma forma de festejar com todos que acompanham o dia a dia do espaço nesses 10 anos.



  •  

Violonista feirense demonstra técnica e versatilidade no palco do Natal Encantado

12/12/2018, 12:5h

Bossa Nova, forró, chorinhos. A apresentação do violonista feirense Dade, no palco do Natal Encantado da avenida Getúlio Vargas, foi um emocionante passeio pelo clássico e o popular. Demonstração de técnica e um repertório de responsa.

“Estou realizado por tocar em Feira de Santana depois de algum tempo viajando pelo Brasil”, afirmou o músico, que acompanha Pablo – aliás, a música que abriu a sua apresentação, nesta terça-feira, foi do cantor baiano.

O músico falou que um dos seus orgulhos pessoal é levar o nome da Princesa do Sertão para outras terras. Nesta noite, apresentou no seu show 16 músicas, mais uma, a pedido do público.

Tocou Tom Jobim, Vinícius de Moraes, Dominguinhos e várias autorais, como “Tiquaruçu” e ”Dadidalhando” e homenageou os criadores do trio elétrico, dodô e Osmar. Técnico, quase pôs o violão para falar com o público, que compreendeu cada uma das notas tiradas do instrumento.

Acompanhado pelo competente trio formado pelo baterista Helinho Nunes, do contrabaixista Júnior Sacramento e pelo percussionista Bruno Katita, Dade mostrou técnica que o leva a ser considerado um dos melhores violonistas da Bahia.

A facilidade com que tira o som do violão impressiona o público. Nesta quarta-feira, 12, as atrações do palco serão o Grupo de Dança Popular, Camutiê e Tito Pereira. As apresentações serão iniciadas às 16h.



  •  

Filarmônica 25 de Março é aplaudida de pé em apresentação do Natal Encantado

12/12/2018, 11:54h

E no final da apresentação, emocionado, o público aplaudiu de pé. Não é um conto, uma história, mas bem que poderia ser por ter final feliz. Quem foi aplaudido de pé foram os músicos que representam uma senhora de 150 anos de história: a Filarmônica 25 de Março, uma das atrações do palco do Natal Encantado, na avenida Getúlio Vargas, nesta terça-feira, 11.

A Filarmônica, que mistura entre seus músicos oitentões, como o trompetista Zé Carneiro, e a clarinetista Tamilly Maria, de apenas12 anos, emocionou o público. Afinal, a plateia gostou do que viu no palco. Muito mais do que uma banda tocar. Assistiram a um resgate cultural cuja dimensão de tão grande para os feirenses não pode ser mensurada.

O grupo, que há poucos anos renasceu nas cinzas e que foi assistido pelo prefeito Colbert Filho, tocou dobrados, peças natalinas, Tim Maia – “Azul da cor do mar” e o clássico regional “Asa Branca”, de Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira. Voltou à ativa em 2014 como Escola de Música Estevão Moura, sob a batuta da Fundação Senhor dos Passos.

Trompetista está na filarmônica há mais de 50 anos

Zé Carneiro disse que está na filarmônica há mais de meio século. “Tocando o trompete rejuvenesço porque amo a 25 de Março. Outros coroas, com mais ou próximo de 50 anos de atividades, são João Barbosa, Joao Farias e Alfredo Evangelista. A frente do grupo está o maestro Antônio Neves.

O Oh!, interjeição que traduzida diz que pena, emitido pelo público ao ser informado que o espetáculo estava acabando, mostrou que a 25 de Março tinha agradado. E muito. O reconhecimento dos presentes à dedicação e entrega dos músicos foi o aplauso de pé.

Estiveram presentes na apresentação o prefeito Colbert Martins Filho, acompanhado de sua esposa Adenilda Martins e o secretário de Planejamento, Carlos Brito.



  •  

Prefeitura proporciona confraternização natalina entre moradores de rua

12/12/2018, 11:16h

Dezembro é um dos meses mais esperados do ano para reunir a família e comemorar o Natal. Mas para as pessoas em situação de rua a realidade é bem diferente. A aproximação da data natalina é reflexo de tristeza e saudade. É isso que relata A. S. (abreviação do nome), durante ação do Programa Consultório na Rua, iniciativa da Prefeitura através da Secretaria Municipal de Saúde.

A abordagem dos profissionais teve um objetivo diferente nesta terça-feira, 11. Com gorros de papai noel, médico, enfermeiros, assistente social, técnica de enfermagem e psicólogo fizeram uma confraternização natalina com distribuição de lanches, atendimento médico e acolhimento.

Equipe recebida com abrações e sorrisos

Quando os profissionais chegaram a Praça J. Pedreira, na Avenida Getúlio Vargas, dezenas de moradores de rua já estavam reunidos a espera. Com abraços e sorrisos, a equipe é recebida. “A gente sabe que eles passam a noite, já temos a base do horário toda terça”, ressalta João Ricardo Brito, que mora nas ruas há 15 anos.

Geralmente o Natal é uma data triste para eles

Entre tantas histórias a serem contadas, atentos os profissionais de saúde buscam dar atenção a todos. “Geralmente Natal é uma data triste pois eles não possuem família e nem vínculo de amizade. Tem sempre uma história por trás deste que está na rua. A gente não sabe o motivo especifico de cada um, mas estamos aqui para acolher e ajudar”, relata o psicólogo João Bezerra.

De acordo com João, em momentos como esses, aos quais as lembranças e a saudade apertam, a única coisa que os moradores de rua precisam é de alguém que os abracem sem preconceito. “Eles precisam conversar, desabafar. E nós enquanto profissionais de saúde vamos fazendo esse papel, cada um em sua área, conquistando a confiança deles aos poucos”, ressalta.

Diariamente, o programa Consultório na Rua percorre a cidade levando a promoção da saúde a pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade. Com ações diurnas e noturnas, as estratégias visam atender as necessidades de cada paciente. “De segunda a sexta, atendemos durante o dia, mas separamos um dia no mês para dar uma atenção especial aquelas pessoas que temos dificuldades de encontrar em outros horários”, informa Darlene Santos, coordenadora do Consultório.



  •  

Coleta Seletiva | Web TV

12/12/2018


Compartilhar no Facebook    
  •