Confraternização marca entrega de certificados no CRAS Pampalona

14/12/2017, 10:37h

Uma confraternização de fim de ano marcou, nesta quarta-feira, 13, a  entrega de certificados de cursos de ofício promovidos pelo Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) Pampalona, equipamento da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso), para mulheres integrantes dos grupos de convivência. Durante o semestre foram desenvolvidos principalmente cursos de artesanato de diversas modalidades, inclusive de reciclados.

A coordenadora do CRAS Pampalona, Edmeia Oliveira, observou que mesmo com os cursos de ofício entrando em recesso, o CRAS não para as atividades, mantendo o atendimento ao público da região de abrangência. E nos próximos dias realizará também confraternização de participantes de outros grupos de atividades desenvolvidas neste equipamento municipal.

A festa de fim de ano foi marcada por um show de voz e teclado com a participação de João Bosco, além da animação do palhaço Tom, que levou muita brincadeira para a garotada, que também recebeu lanches.

Enquanto isso, as alunas dos cursos de ofício ainda receberam o brinde de uma caneca padronizada com a logomarca do CRAS e receberam lanches. E no início do próximo ano vão receber fardamento para participar das atividades.

Diante da plateia que lotou o salão externo do CRAS, o secretário de Desenvolvimento Social, Ildes Ferreira, parabenizou a todas que participam das atividades, destacando que estes equipamentos são a porta de entrada para os serviços de assistência social promovidos através da Sedeso visando a elevação da qualidade de vida da população.



  •  

Feira oferece adesão à regionalização da Casa Abrigo até sexta

14/12/2017, 10:32h

Municípios interessados em aderir à regionalização da Casa Abrigo para mulheres vítimas de violência em risco de morte, que possuem uma unidade pólo também em Feira de Santana, têm até a próxima sexta-feira, 15, para assinar o termo de aceite para pactuação. O encerramento do prazo foi alertado durante reunião da Comissão Intergestora Bipartite (CIB), realizada em Salvador.

A reunião da CIB foi a última do exercício 2017 para aprovação da Regionalização da Casa Abrigo. E a comissão também aprovou o calendário de reuniões para 2018 e a sugestão de repasse para 2018.

Integrante da comissão, o secretário de Desenvolvimento Social de Feira de Santana, Ildes Ferreira, informa também sobre outras decisões tomadas pelos integrantes da entidade durante o encontro. “A CIB avaliou e suspendeu as reuniões descentralizadas que realizava nos municípios. Os gestores preferiram manter em Salvador as reuniões porque aproveitam as viagens para resolver demandas junto ao Governo do Estado”, explica.

A CIB é responsável por aprovar todas as medidas do Governo no âmbito do SUAS, com representantes do Estado e dos Municípios. Ao nível nacional tem a (Comissão Intergestora Tripartite (CIT) porque entra a União, Estados e Municípios.



  •  

Representantes de 85 cidades participam de capacitação de assistência social em Feira

14/12/2017, 10:28h

O município de Feira de Santana está recebendo representantes de 85 cidades baianas em busca de capacitação para impulsionar as ações da assistência social. Os cerca de 230 profissionais, que atuam principalmente nos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS) e Centros de Referência Especializada em Assistência Social (CREAS), dentre assistentes sociais e psicólogos, além de outros técnicos, participam do Capacita SUAS 2, que ocorre na faculdade Uniasselvi, no período de 10 a 15 deste mês.

Para viabilizar a oferta do curso de capacitação em Feira de Santana, o Governo Municipal cumpre o papel de anfitrião, oferecendo toda estrutura necessária para desenvolvimento das atividades pelo Governo do Estado, através da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), contratada para realização dos cursos.

Nesta quarta-feira, 13, o prefeito José Ronaldo de Carvalho visitou os participantes do curso, ao lado do vice-prefeito Colbert Martins da Silva Filho e do secretário de Desenvolvimento Social (Sedeso), Ildes Ferreira. Conferiu de perto as necessidades para garantir o mínimo de estrutura necessária para  manutenção das atividades e desejou aos participantes, antecipadamente, um excelente Natal e fim de ano.

Já o secretário Ildes Ferreira ressaltou que o município feirense está sempre de portas abertas para receber os visitantes, principalmente em se tratando de um evento que é voltado para a promoção social, buscando incessavelmente a melhoria na prestação dos serviços voltados para quem mais necessita.

Coordenadora geral da UFRB no Capacita SUAS, Sílvia Pereira, agradeceu a Governo Municipal pela acolhida e por todo apoio que tem dado para promoção do evento. Lembrou que esta é a terceira edição do curso, sendo que os dois primeiros com o mesmo tema. Agora no Capacita SUAS 2 o tema central é “Introdução ao provimento dos Serviços e Benefícios Socio-assistenciais e implementação de ações do plano Brasil sem Miséria”.



  •  

José Ronaldo participa de mesa redonda na Rádio Sociedade de Feira

14/12/2017, 9:54h

Mobilidade urbana, reordenamento do comércio informal no centro da cidade e Meio Ambiente foram os principais temas submetidos ao prefeito José Ronaldo de Carvalho, no debate promovido pelo programa Rotativo News.

Durante duas horas, José Ronaldo respondeu às indagações dos jornalistas Joilton Freitas (âncora do noticioso) Carlos Augusto (Jornal Grande Bahia), o médico César Oliveira (diretor do Tribuna Feirense) e Jair Onofre (site Bahia na Política).

A implantação do Complexo de Viadutos, a construção do túnel da Avenida Maria Quitéria sob a Avenida Getúlio Vargas são algumas ações do governo municipal, apontadas por Ronaldo como obras importantes para desafogar o crescente tráfego de veículos na cidade.

O prefeito defendeu as ações de fiscalização que a Prefeitura Municipal vem intensificando para coibir a ocupação desordenada de carros de mão, em áreas específicas do centro da cidade, como parte da articulação posta em marcha pelo seu governo para reorganizar o comércio ambulante.

Dentro deste escopo de esforços, a construção do Centro Comercial Popular, cujas obras, em curso, consumirão recursos da ordem de R$ 50 milhões, fruto de uma Parceria Público-Privada, é a resposta apresentada pelo prefeito como solução definitiva para resolver os transtornos provocados pelos camelôs que atuam no Comércio.

Nós cálculos do chefe do Executivo, quando o Centro Comercial Popular estiver funcionando, cerca de quatro mil comerciantes informais vão se deslocar para o Centro de Abastecimento, dentre eles os cerca de dois mil cadastrados pela Secretaria do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico (Settdec).

Contando com os 2.500 permissionários que já trabalharam no entreposto comercial, o complexo que será composto entre a Ceasa e o Centro Comercial Popular, vai aglutinar cerca de 6.500 comerciantes.

"A estimativa é de que com a inauguração do Centro Comercial Popular, resultado de muitas assembleia e reuniões com todos os setores organizados da sociedade, sobretudo os comerciantes ambulantes, o equipamento consiga atrair a circulação diária de 15 mil pessoas", ponderou o prefeito.



  •  

Caso do painel Lênio Braga chega ao Ministério Público

14/12/2017, 9:37h

A Promotoria do Patrimônio Artístico e Cultural de Feira de Santana está sendo provocada a adotar providências no sentido de cobrar da Sociedade Nacional de Apoio Rodoviário e Turístico Ltda (SINART) a restauração do painel Lênio Braga, obra de arte localizada no Terminal Rodoviário da Princesa do Sertão.

O secretário de Cultura, Esporte e Lazer (SECEL), Edson Felloni Borges, formalizou a solicitação nesta quarta-feira, 13, junto ao Ministério Público do Estado da Bahia, através do promotor de Justiça Anselmo Lima Pereira.

O secretário entregou documentação relatando que o painel foi danificado pela instalação de um equipamento no interior no terminal. Segundo salienta Edson Borges, a rodoviária é explorada comercialmente pela SINART, sob concessão do Governo do Estado, que tombou o painel como patrimônio cultural da Bahia em 2001.

“Entendemos que a SINART, explorando comercialmente o prédio, é responsável pela conservação e reparos de qualquer dano causado ao painel. Uma vistoria do próprio Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC) atesta que houve dano causado pela instalação de uma central de refrigeração no terminal, que está sob a responsabilidade da SINART”, explica o secretário.

Borges destaca, ainda, que as tentativas do Governo Municipal,  pelo menos nos últimos três anos, para resolver a questão dialogando com a SINART não foram bem sucedidas.

“Creio que a vistoria técnica do IPAC não deixa nenhuma dúvida sobre a responsabilidade da empresa que explora o terminal rodoviário”, acrescenta.



  •  

Hospital da Mulher faz triagem para cirurgia de gigantomastia nesta quinta

13/12/2017, 17:40h

Dores na coluna decorrente do tamanho excessivo das mamas é a principal queixa das mulheres que sofrem de hipertrofia mamaria. Esse desconforto implica em problemas relacionados à saúde e o procedimento cirúrgico realizado nesses casos é muito mais do que um fator estético. 

Em Feira de Santana, as mulheres de baixa renda que residem na cidade poderão participar mais uma vez do mutirão para a realização da gigantomastia (cirurgia reparadora da mama, feita através da mamoplastia redutora) no Hospital Inácia Pinto dos Santos (HIPS), o Hospital da Mulher.

A 6ª triagem será realizada nesta quinta-feira (14) no ambulatório do Hospital, a partir das 7h. Serão distribuídas 200 fichas para avaliação gratuita, que será realizada pela equipe médica e equipe de assistentes sociais. As pacientes escolhidas, cerca de 40 a 60 mulheres, serão operadas em 2018 e 2019.

É preciso dos seguintes requisitos para participar da triagem: Residir em Feira de Santana; Ter mais de 4 kg de mama; Ter filho(s), pois trata-se de um procedimento reparador que futuramente impossibilitará a amamentação e a sensibilidade da área; Ter carência econômica. 

Outros critérios são estabelecidos pelo profissional médico que faz as cirurgias. As mulheres que já realizaram triagens anteriormente e não foram selecionadas por não atender os requisitos serão observadas criteriosamente.

A presidente da Fundação Hospitalar de Feira de Santana (FHFS), Gilberte Lucas, afirma que neste ano a pré-avaliação será mais rigorosa. “Observamos que na última triagem 30% que participaram deram endereço de Feira de Santana e não moravam na cidade, e outras participantes tinham condição de fazer a cirurgia particular”, explica. 

Gilberte ainda afirma que a equipe de assistentes sociais vai até a residência da mulher sem aviso prévio, pois o recurso para a realização das cirurgias é próprio, ou seja, totalmente custeado pela Prefeitura Municipal de Feira de Santana e sem credenciamento pelo SUS, e por isso não tem como atender a demanda de outros municípios.

De acordo com o cirurgião plástico, Cesar Kelly, coordenador do Programa de Tratamento das Gigantomastias Extremas do Hospital da Mulher, o programa tem um caráter altruísta e de voluntariado que envolve o município, os profissionais e o Hospital da Mulher. Somente neste ano dezenove mulheres já foram contempladas para o tratamento cirúrgico.



  •  

Prefeito homologa Regulamento da Micareta de Feira de Santana

13/12/2017, 17:29h

O Regulamento da Micareta de Feira de Santana foi homologado pelo prefeito José Ronaldo de Carvalho. O documento com as regras da maior festa popular do interior nordestino foi apresentado aos cidadãos feirenses no mês passado.

Um dos pontos importantes é a criação do Conselho Gestor, formado pelo prefeito, mais os titulares das 10 secretarias municipais envolvidas diretamente na organização da festa, o titular da Superintendência Municipal de Trânsito e o procurador geral do Município.

O regulamento é a ferramenta legal para a realização da Micareta. Estão definidos o circuito, dias e horários da festa, a quantidade de atrações que serão contratadas pela Prefeitura – 56, barracas, point universitário – quantidade e quem vai poder se inscrever (serão 30 e comandados por formandos, exclusivamente).

Avançamos vários degraus para organização da festa, afirma secretário

Com apenas 13 artigos, o Regulamento é considerado um avanço para organização da festa. “Avançamos vários degraus no tocante ao profissionalismo e antecipação na organização da Micareta”, observa o secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Edson Borges.

A inscrição para os camarotes será aberta no dia 2 de janeiro e encerrada dia 28 de fevereiro. Os microfones estarão abertos as apresentações e para notícias de utilidade pública, resguardando-se o direito à liberdade expressão. A transgressão à regra implicará em multa sobre o valor do contrato.

De acordo com o Regulamento, as bandas já poderão se inscrever a partir de 2 de janeiro até 30 dias antes da data do início da Micareta. Para que número maior de músicos free-lancer seja contratado, será permitida a inscrição em no máximo quatro bandas.

O palco alternativo terá 20 atrações – as apresentações serão iniciadas a partir das 20h e encerradas às 4h da madrugada. As inscrições para os blocos serão iniciadas no dia 2 de janeiro e encerradas 30 dias antes do início da Micareta. O Regulamento da Micareta foi publicado na edição desta quarta-feira, 13, do Diário Oficial do Município.



  •  

Pedagoga que participou de todos os nove cursos da Unamacs destaca importância do aprendizado

13/12/2017, 16:19h

"A UNAMACS (Universidade Aberta do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável) foi um grande presente à minha vida, neste ano, por me possibilitar a troca de saberes imprescindível". O reconhecimento é da pedagoga Sorai Silva Benício (foto) ao receber seu certificado de conclusão de cursos da Unamacs, na noite desta terça-feira, 12, durante solenidade realizada no Parque do Saber Dival da Silva Pitombo.

"A UNAMACS é uma proposta que veio para ficar. Feira de Santana era carente de algo que abordasse as questões ambientais de forma conjunta. Ela agrega as pessoas que pensam de forma diferente e que se preocupam com o meio ambiente", acrescentou Sorai. Ela participou de todos os nove cursos oferecidos gratuitamente pela universidade, cuja temática incluiu compostagem, reciclagem e licenciamento ambiental. As atividades de 2017 incluíram, ainda, três oficinas, uma viagem de campo e três visitas técnicas.

"A Universidade Aberta do Meio Ambiente é sucesso absoluto. Atingimos as metas em curto espaço de tempo e tivemos a participação de alunos de outras cidades baianas, a exemplo de Santo Estevão, Antônio Cardoso, Juazeiro e mais Recife, em Pernambuco, e do estado de Minas Gerais", afirmou a bióloga da Semmam, Érica Teles, uma das gestoras da UNAMACS.

O titular da Semmam, secretário Sérgio Carneiro, frisou que "o Meio Ambiente está na lista das prioridades do Município. Terminamos o ano com saldo positivo de ações realizadas: foram dois seminários, sendo eles sobre mobilidade urbana e energia solar; comemoramos o Dia da Água e Dia do Meio Ambiente; lançamos o programa de delimitações das lagoas; vamos construir o Parque Linear do Papagaio; destruímos 1.126 equipamentos sonoros apreendidos no Feira Quer Silêncio, além de implantar a Unamacs, que é sucesso no meio acadêmico e ambientalista”.

O ato de certificação dos alunos contou com as presenças do prefeito José Ronaldo de Carvalho, do secretário municipal de Meio Ambiente e Recursos Naturais, Sérgio Barradas Carneiro, do reitor da Uefs, Evandro do Nascimento, além do vereador Roberto Tourinho e secretário municipal de Agricultura, Joedilson Freitas, que compuseram a mesa.

PRÊMIO GUARDIÕES DO MEIO AMBIENTE FOI ENTREGUE

Além da certificação e das homenagens em reconhecimento aos professores, facilitadores e demais pessoas que contribuíram para o sucesso da UNAMACS neste primeiro ano de implantada, a noite também foi marcada com a entrega do prêmio Guardiões do Meio Ambiente em reconhecimento aos esforços de feirenses, ligados a diversos segmentos da sociedade, que contribuíram para com as ações de educação socioambientais em Feira de Santana. Foram homenageadas dezenove pessoas, entre pessoas físicas e jurídicas.

EQUIPAMENTOS SONOROS DOADOS A ENTIDADES

Ainda durante a solenidade, o prefeito José Ronaldo assinou termos de doação de equipamentos sonoros apreendidos nas operações Feira Quer Silêncio para vinte e três entidades que prestam assistência social no município, entre elas: Associação Feirense de Síndrome de Down; Loja Maçônica Sabedoria, Luz e União; Casa do Estudante; Centro Comunitário Luz e Sabedoria; Base Comunitária da Rua Nova; Associação de Produtores Rurais e Pescadores do Distrito de Governador João Durval Carneiro; Comunidade Rainha dos Apóstolos; Movimento Cultural Afoxé Filhos de Nanã; Associação Feirense de Basquete, entre outras.   

PREFEITURA E PEPSICO FIRMAM PARCERIA

Na noite desta terça-feira também foi lançado o projeto piloto “Sustentabilidade nas Escolas”, através de parceria da Semmam, Secretaria de Educação e a Pepsico. A iniciativa consiste na formação de professores com foco na educação ambiental e reciclagem.

De acordo com a coordenadora de Sustentabilidade da Sig – empresa de embalagens – Isabela De Marchi (foto), o objetivo da parceria é impulsionar a coleta seletiva no município. “Esse é um projeto que vai incentivar que professores e alunos façam a destinação correta dos resíduos produzidos nas escolas e sejam multiplicadores para sua comunidade”.

As atividades serão iniciadas em fevereiro, durante a Jornada Pedagógica, e vai contemplar inicialmente um grupo de 50 professores de onze escolas da rede municipal de ensino. A formação dos professores está prevista para ocorrer na Unamacs.



  •  

Festival de Samba no MAP abre portas para novos talentos

13/12/2017


Compartilhar no Facebook    
  •  

Moradores do Sobradinho e do George Américo comemoram Unidade de Saúde

13/12/2017, 15:51h

Localizada na rua Sarandi, na divisa entre os bairros Sobradinho e George Américo, a Unidade de Saúde da Família Simplício Pereira Almeida foi inaugurada na manhã desta quarta-feira,13, com capacidade para atender 8 mil moradores da região.

Com este novo equipamento, o Governo Municipal contabiliza 118 unidades de saúde entregues à população, colocando Feira de Santana entre as cidades brasileiras com a maior cobertura de saúde pública.

“Saúde se faz é com acolhimento, e este posto é de muita importância para atender as demandas de saúde de milhares de pessoas que moram nesta região, com ações também na área esportiva”, disse a secretária de Saúde, Denise Mascarenhas.

Falando em nome da família de Simplício Pereira Almeida, falecido recentemente, Gilmara Almeida agradeceu a homenagem “ao legado de bondade e dedicação que meu pais nos deixou, e com esta homenagem ele se torna imortal”.

O vice-prefeito Colbert Martins enfatizou que, “além de se esforçar para oferecer saúde com qualidade, o governo José Ronaldo também se empenha em ampliar a rede de atendimento para as pessoas, com uma das maiores e melhores coberturas de saúde do país”.

Num breve relato sobre a sua convivência com o então enfermeiro Simplício Pereira Almeida, iniciada quando dirigiu o Hospital Dom Pedro de Alcântara, em meados dos anos 1970, o prefeito José Ronaldo de Carvalho sublinhou a dedicação com que ele tratava igualmente a todos os pacientes que acorriam aos seus serviços.

José Ronaldo anunciou que todas as ruas situadas no entorno desta unidade de saúde serão pavimentadas, até o mês de março.

O ato contou com as presenças dos secretários Ozeny Moraes (Convênio e Gestão), Valdomiro Silva (Comunicação), os vereadores Gilmar Amorim, Fabiano da Van, Rom do Povo e Luiz Augusto de Jesus.



  •