Mostra de arte do CMEI Antonio Carlos Machado aborda literatura e meio ambiente

1/10/2019, 16:10h | Foto: Andreyse Porto

Consciência ambiental e literatura aliadas à arte. Assim foi a 3ª edição da Mostra de Artes do Centro Municipal de Educação Infantil Antonio Carlos Machado, do bairro Feira VII, realizada nesta sexta-feira, 27. A exposição abordou diferentes obras literárias e buscou utilizar materiais recicláveis na confecção das produções.

O CMEI atende 120 crianças do grupo 2 ao grupo 5, que participaram ativamente da montagem da exposição. Pintando, colando e produzindo, eles tiveram a oportunidade de conhecer novas histórias e explorar a arte durante o processo.

“A festa no céu”, “Romeu e Julieta”, “Escolinha no mar”, “Flor de maio” e “A arca de Noé” foram alguns dos contos literários trabalhados com os pequenos. Cada turma ficou responsável por uma história e as salas de aula foram decoradas de acordo com cada narrativa.

“Pensamos em uma atividade que fosse lúdica e interdisciplinar. Os estudantes não só aprenderam as histórias, como puderam aplicar isso na arte, se divertindo e assimilando novos conhecimentos ao mesmo tempo”, acredita a diretora, Mônica Cristina de Jesus Santos Rosa.

O grupo responsável pelo conto da “Flor de maio” foi o que mais teve a questão da consciência ambiental abordada em sala. As crianças aprenderam sobre os riscos de poluir o meio ambiente.

“A história fala de uma borboleta que nasceu com a asa quebrada por que jogaram veneno na natureza, onde estava o casulo dela. Aprendi que não podemos jogar nada de ruim nas plantas nem nos animais”, relatou o pequeno Arthur Sousa, do grupo 3.

Segundo Mônica, reforçar a importância da sustentabilidade influenciou a todos no CMEI. “As professoras decidiram usar materiais recicláveis, diminuíram o consumo de produtos como borracha, por exemplo, e visamos que no ano que vem isso seja ainda mais trabalhado”, relata.