Gestores recebem orientações sobre elaboração e implementação de Projetos Político-Pedagógico das escolas

29/7/2019, 10:5h | Foto: Tarcilo Santana

Orientar a elaboração e implementação dos Projetos Político-Pedagógico (PPPs) das escolas municipais. Foi este o objetivo do atendimento oferecido pelo Grupo de Gestão e Mediação da Secretaria de Educação a gestoras de unidades de ensino na quinta-feira, 25. O encontro aconteceu na sede da Seduc e foi a segunda etapa desta formação.

O PPP funciona como um guia para as ações a serem desenvolvidas na escola. Nele serão encontradas metas e métodos para que a instituição de ensino consiga atingir os objetivos a que se propõe. Esse documento tem elaboração anual obrigatória pela legislação, de acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional.

O atendimento foi dedicado a dois grupos: o dos que receberiam orientações sobre a elaboração de projeto próprio e o daqueles que já possuem um, porém manifestaram dificuldade em implementá-los. O primeiro ouviu sobre a importância de um PPP para uma escola e quais caminhos trilhar durante sua construção.

“Toda comunidade escolar deve se envolver no processo e saber de sua existência, mesmo quem não fizer parte dele desde o início. O projeto deve ter relação intrínseca com a realidade da escola em questão”, explicou Alexsandra Soares, coordenadora do Grupo de Gestão e Mediação e uma das formadoras.

Já o segundo grupo ouviu que o PPP deve ser revisitado constantemente para que todos se sintam parte dele. Uma dica prática foi a utilização da tecnologia a favor desta implementação. “Em caso de tempo reduzido, pode-se utilizar os formulários on-line da Google para recolha de opiniões, evitando suspender aulas ou mesmo marcar reuniões físicas”, complementou.

Além de Alexsandra, o Grupo de Gestão e Mediação da Seduc é composto pelas professoras Rosana Falcão, Geórgia Kaline Matos, Giovana Marget e Fátima Suely – nele, todas atuam como coordenadoras.