68 mil consultas de pré-natal foram realizadas na Rede Municipal de Saúde nos últimos dois anos

4/10/2018, 8:24h

Os cuidados com a saúde do bebê devem começar desde a descoberta da gestação. Assim, mães e famílias têm a disposição às consultas de pré-natal, onde recebem orientações para um desenvolvimento saudável da criança, com o acompanhamento da caderneta vacinal e a realização dos exames necessários.

Em Feira de Santana, o pré-natal é feito através das 115 Equipes de Saúde da Família e pelas 13 Unidades Básicas de Saúde. Nos últimos dois anos, aproximadamente 68 mil consultas foram realizadas. Uma assistência completa fornecida gratuitamente durante toda a gravidez.

No mínimo, sete consultas são realizadas

“O Ministério da Saúde preconiza no mínimo sete consultas, distribuídas entre os profissionais: médico, enfermeiro e odontólogo. Por isso o ideal é que ao descobrir a gestação, de preferência no primeiro trimestre, essa gestante seja localizada pelo Agente Comunitário de Saúde para comparecer a Unidade”, ressalta a referência técnica em saúde da mulher, Alessandra Magalhães (foto).

Mães foram presenteadas com um book fotográfico

A fim de motivar a adesão completa do acompanhamento, os profissionais de saúde utilizam de estratégias para motivar as mamães. Na Unidade de Saúde da Família do Parque Getúlio Vargas, as usuárias que fizeram o pré-natal corretamente, conforme orienta o Ministério, foram presenteadas com um book fotográfico, com direito a maquiagem, cabeleireira e adereços.

“Fazer esse ensaio fotográfico foi uma forma de estimular o cuidado com a saúde do bebê. Muitas mães que realizaram o pré-natal não têm condições de ter esse registro, então a ideia foi compensá-las por esse cuidado”, afirma a enfermeira Flávia Oliveira.

Momento maravilhoso, diz Fabyllane, fotografada com 26 semanas de gestação

Momento ímpar para Fabyllane Maria (foto), 30 anos, que está com 26 semanas em sua segunda gestação. Por possuir uma gravidez de risco, ela segue acompanhada pela Unidade de Saúde e também pelo Hospital da Mulher, maternidade a qual ela dará a luz. “Eu pensava em fazer um ensaio fotográfico e aí veio essa oportunidade. Foi um momento maravilhoso que deixa a gente feliz, excelente para todas as gestantes”, ressalta.

Para relembrar essas ocasiões, a enfermeira Flávia guarda na unidade um mural com fotos de todas as pacientes. “Durante o acompanhamento eu sempre coloco fotos delas em um mural na sala da unidade é uma forma de carinho e elas sempre visualizam ao retornar após o parto”, relata.



  •