Feira tem redução da vacina meningocócica e substituição temporária da tetra viral e DTP

1/10/2018, 19:3h

Conforme nota informativa do Ministério da Saúde, o município de Feira de Santana terá o fornecimento da vacina Meningocócica C reduzido e as vacinas Tetra Viral e DTP (Difteria, Tétano e Pertussis) serão substituídas por vacinas equivalentes temporariamente.

A normalização no fornecimento da vacina Meningocócica C, que protege contra a meningite, depende da liberação das doses que se encontram em análise pelo Instituto de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS).

Em todo o nordeste, a vacina Tetra Viral foi substituída temporariamente pela vacina varicela monovalente e a vacina DTP, que chegou ao país em abril, aguarda parecer do Fundo Rotatório da Organização Panamericana de Saúde (OPAS) e Baixa do Termo de Guarda (BTG) da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Devido indisponibilidade em estoque, o imunobiológico será substituído pela vacina Pentavalente.

“A substituição temporária das vacinas DTP e Tetra Viral, conforme orientado pelo Ministério da Saúde, não trazem prejuízos. Em relação a vacina da meningite a Rede de Frio se mantém atenta afim de garantir o imunobiológico em estoque nas unidades até que seja regularizada a situação”, afirma o coordenador da Rede de Frio, Carlos Henrique Valverde.



  •